Tendências, dicas, idéias e inspirações para casamento da AboutLove

Adquirindo o vestido de noiva

Há mulheres, que até mesmo antes de noivar, já sabem exatamente qual vestido de noiva querem. Inclusive têm aquela “pastinha” no computador com todos os detalhes do modelo. Outras ficam indecisas a cada novo vestido de noiva que veem e se pudessem fariam várias festas vestindo um modelo diferente em cada uma. Em todos os casos, surgem as dúvidas: comprar, alugar ou mandar fazer o vestido de noiva? O perfil da noiva dá sinais de qual opção é melhor, mas também é preciso levar em conta o orçamento e qual o lugar ele ocupa na sua lista de prioridades.

  • Qual a prioridade do vestido de noiva?

O vestido de noiva para muitas mulheres é prioridade absoluta em relação aos demais itens do casamento. Se esse for seu caso, prepare uma generosa fatia do orçamento para se vestir como sempre sonhou. A maioria das noivas nesse perfil opta por mandar fazer o próprio modelo com os tecidos, as rendas e demais detalhes que representam você. Com certeza, deve ser incrível ter uma peça única, cheia de significados e história pra chamar de sua pelo tempo que quiser! Uma sugestão para não extrapolar nos gastos é compensar o investimento em outras áreas como decoração ou banda de música, por exemplo.

Outra  alternativa para quem quer exclusividade e não é muito apegada as coisas materiais é o primeiro aluguel. O vestido é feito sob medida, sob orientação da noiva e depois do casamento é devolvido e colocado para alugar na loja (dá uma dorzinha no coração se desfazer dele, afinal ele representa um momento maravilhoso, mas…). Os preços do primeiro aluguel variam muito de local para local, porém tenha em mente um gasto de, no mínimo, 3 mil reais para um vestido satisfatório.

Aquelas que preferem priorizar outros elementos da festa, como buffet, comida, por exemplo, optam pelo aluguel comum. Aqui a noiva, obviamente, tem que ser super “desencanada” em relação a exclusividade. O melhor mesmo é nem perguntar quantas noivas já usaram o modelo escolhido. Na prática, isso pouco importa se tudo estiver em ótimo estado e você se apaixonar pela peça. Lembre-se apenas de pesquisar bastante. Os preços de aluguel, às vezes, chegam ao patamar dos valores de um vestido novinho em folha.

Mas as opções não acabam por aí. Noivas mais arrojadas, com um bom controle emocional (muito difícil nessa etapa da vida, né?!) e que torcem o nariz à ideia de gastar uma pequena fortuna em uma peça usada uma única vez, estão recorrendo a compra do vestido pela internet.  É muito importante ressaltar que, nesse caso, é imprescindível ter um plano B. Assim como há relatos de vestidos lindíssimos e bem acabados, comprados principalmente na China e recebidos pelos correios, há situações em que o vestido não correspondia em nada ao produto prometido. Além disso, as encomendas podem demorar meses para chegar. Haja coração! O lado bom dessa prática arriscada é realmente o preço baixo. É possível adquirir um vestido de noiva por menos de mil reais nos sites estrangeiros.

Ah, uma outra dica: se você planeja fazer uma viagem internacional antes de casar, não custa nada dar uma voltinha nas lojas de noivas e provar alguns modelos. Geralmente, vale a pena, mesmo com o dólar em alta, adquirir vestidos menos trabalhados nos Estados Unidos, por exemplo. Se você der sorte, pode até pegar uma mega promoção que são comuns por lá. Antes de sair à procura do vestido ideal, converse com seu noivo e deixe ele saber o peso que essa peça tem pra você.  Assim, os dois podem decidir juntos qual opção é melhor para o bolso e para sua própria realização pessoal.

Quero conservar meu buquê de noiva!

Dizem que noiva não é noiva se não tiver um homem ao seu lado e um buquê nas mãos, né?! Dias depois do casamento, no entanto, as flores já morrem. É uma dor  ver aquele arranjo natural, cheio de significados, que você investiu tempo, dinheiro e carinho, jogado no lixo (se você, claro, não jogá-lo para as amigas solteiras). Muitas noivas se perguntam como conservar o buquê de flores naturais e guardá-lo como uma linda recordação do casamento.

Há diversas alternativas para quem quer manter esse elemento simbólico por muito tempo. Apenas esteja ciente, que técnicas de secagem caseiras podem levar várias semanas e quase todos os processos precisam ser feitos imediatamente depois do casamento, quando as flores ainda estão lindas, vivas e frescas. Se você não puder iniciar e acompanhar o processo, deixe alguém (irmã, sogra, cunhada, melhor amiga) responsável por essa tarefa. Além disso, não são todos os tipos de plantas que ficam bonitas depois de secas. Converse com sua decoradora e florista sobre isso durante os preparativos do casamento.

  • Buquê seco em uma urna de acrílico, vidro ou quadros:

Para secar as flores em casa, pendure-as de cabeça para baixo em um lugar seguro e arejado. Espere pelo menos cinco semanas e depois arrume o buquê em uma urna transparente. As de acrílico podem ser feitas sob medida em empresas que trabalham com confecção de brindes e troféus. Os quadros podem ser feitos em loja de molduras comuns.

grey Quero conservar meu buquê de noiva!

Foto: via Pinterest

Ah, você também pode usar silica gel (apesar do nome, ela parece uma areia branca, encontrada facilmente na internet para venda) para acelerar o processo de secagem. O produto e as flores devem ser colocados em um recipiente com tampa durante alguns dias. Em média uma semana é o suficiente para perceber que tudo está sequinho. Importante manter o recipiente fechado e em um lugar escuro.

grey Quero conservar meu buquê de noiva!

Foto: via Mohans Rule

  • Flores pressionadas e emolduradas:

Sabe quando você achava ou ganhava uma florzinha, colocava- a dentro de um livro e a mantinha ali sequinha e fininha por muito tempo? Pois é! Você pode fazer isso com o seu buquê. Como são várias flores, dá um pouquinho mais de trabalho, mas também há a opção de escolher apenas algumas mais bonitas.

O processo é simples. É só colocá-las entre folhas de papel manteiga, fazer um a espécie de “sanduíche” com pedaços de papelão, e colocar pressão usando, por exemplo, uma pilha de livros. Entre 4 e 6 semanas, elas estarão prontas para serem emolduradas.

grey Quero conservar meu buquê de noiva!

Foto: via Etsy

  • Contrate um profissional:

Se você não quer ter trabalho, você pode contratar um serviço profissional de secagem e manutenção das flores. Geralmente, os floristas usam técnicas meticulosas, aplicando os produtos necessários de flor em flor, cuidadosamente. Isso tem seu preço, claro! Se optar por um buquê impecável, mesmo depois de anos do casamento, prepare-se para gastar uma graninha a mais, no mínimo 500 reais.

grey Quero conservar meu buquê de noiva!

Foto: via Pinterest

Seja qual for sua opção, a certeza é que sua nova casa ganhará um marcante e simbólico elemento de decoração. Mas não se esqueça de decidir esses detalhes bem antes do casamento, hein…

 

Saída dos noivos marcante!

“Eu vos declaro, marido e mulher”, diz o celebrante do casamento. Você segura firme na mão do seu amado, volta-se para os convidados e anda emocionada pelo corredor cheio de sorrisos, olhos marejados e corações repletos de felicidade. Já pensou nessa cena? Aposto que sim.

Nessa saída dos noivos, há sempre uma “chuva” de alegria, fazendo o desfecho da cerimônia. O tradicional arroz, que simboliza prosperidade e fertilidade, nunca sai de moda. Alguns até exageram na dose, né?!

Mas que tal dar um toque mais original e estiloso a esse momento? Há opções para as noivas mais moderninhas, eco-friendly, glamourosas, divertidas, etc. Ah, fique atenta às regras de onde será realizada a cerimônia. Alguns buffets e igrejas proíbem a utilização de elementos que sujem o espaço.

Lá vão algumas dicas:

  • Arroz de lavanda: essa ideia é muito comum nos Estados Unidos, mas no Brasil não é tão difícil encontrar o arroz de lavanda. Ao ser jogado, o cheiro da lavanda domina o ambiente, tornando a saída dos noivos perfumadíssima. Depois de casada, você se lembrará desse momento do casamento todas as vezes que sentir o aroma dessa flor.
grey Saída dos noivos marcante!

Foto: via Pinterest

  • Semente para pássaros: sabia que o arroz cru faz mal aos passarinhos? Pois é, eles podem até morrer se comê-lo. Se você é ecologicamente correta, adora os animais e vai casar em um local aberto, uma chuva de sementes para passarinhos é uma ótima alternativa. As aves vão adorar o banquete jogado pelos convidados e você terá quase o mesmo efeito do arroz nas fotos.
  • Pétalas de rosas: uma saída romântica pede uma chuva de pétalas de rosas. As mais usadas são as vermelhas, cor da paixão e do amor, mas nada impede de você investir em outras cores, como branca, rosa, amarela.
  • Granulado colorido: É isso mesmo. Esse é aquele granulado usado por confeiteiros. Eles tornam a saída dos noivos um tanto quanto doce. O problema é que os confetes de açúcar podem dissolver rapidamente com o suor e deixar roupas e cabelos meio grudentos, além de manchados.
grey Saída dos noivos marcante!

Foto: via Pinterest

  • Pompons: Facilmente encontrados em armarinhos e lojas de artesanato, os pompons têm tudo a ver com noivos divertidos. São graciosos, leves, macios e não machucam ninguém quando jogados. Podem ser coloridos ou nas cores da decoração. Que tal?
  • Aviões de papel: Sabe aqueles projetos legais de DIY? Esse aqui pode entrar na lista. Compre um papel durinho, imprima o nome do casal, pegue um molde e coloque a mão na massa na hora das dobraduras. Uma ótima ideia para destination wedding, noivos que amam viajar ou que namoraram à distância.
grey Saída dos noivos marcante!

Foto: via One Fab Day

  • Fitas com chocalhos: Os convidados fazem, literalmente, muito barulho na passagem dos recém-casados com esses elementos. Além disso, o visual e as fotos ficam lindas com as fitas tremulando no ar.
grey Saída dos noivos marcante!

Foto: via Etsy

grey Saída dos noivos marcante!

Foto: via Etsy

  • Glitter: para os casais que gostam de brilhar e não têm medo de ficar com o pozinho brilhante por todo o corpo durante a festa. (E quem sabe até um pouco depois da festa também, né?! Porque ele gruda mesmo!)
  • Bolhas de sabão: Elas causam um dos efeitos mais lindos que já vi em fotos de casamento. São singelas, delicadas e não deixam sujeira.
  • Sparkles: são aqueles palitinhos, tipo os usados como velas em aniversários, que parecem soltar faíscas. Também já são super fáceis de encontrar no Brasil e dão glamour e sofisticação à saída dos noivos nas cerimônias realizadas principalmente no fim da tarde e à noite.
  • Balões: que os balões invadiram de vez os casamentos, você já sabe né?! O legal é que eles podem estar em todos os lugares, inclusive decorando o “corredor de pessoas” queridas na saída dos noivos. Um jeito barato, gracioso e divertido de ousar um pouco no casamento.

E você, o que pensou em fazer para ter uma saída marcante?