Lista de presentes: praticidade x etiqueta - Blog AboutLove

Lista de presentes: praticidade x etiqueta

Quando o assunto é lista de presentes para casamento, a polêmica está formada. Muitas vezes, o que já se tornou uma prática comum e aceitável no universo de casamento é duramente condenado por alguns especialistas do ramo.

grey Lista de presentes: praticidade x etiqueta

Foto: via Brides.com

O tal do cartãozinho da loja, com a lista de presentes, anexado ao convite é um bom exemplo disso. De acordo com as regras de etiqueta, entregar um convite de casamento com esse pequeno ‘lembrete’ do presente não é nada legal. A blogueira referência em festas de casamento, Fernanda Floret, do Vestida de Noiva afirma e reafirma: isso é super deselegante.

De fato, ao entregar esse cartãozinho você pode deixar a impressão de que as pessoas precisam pagar com um presente o convite que receberam. Os especialistas alegam que os convidados podem pensar: “afinal, é um convite ou um ingresso?”

O que fazer então? A recomendação é colocar a lista acessível em um site ou blog do casal e deixar as informações das lojas escolhidas (sempre dê mais de uma opção) com a cerimonialista, padrinhos, pais e irmãos. A expectativa é de que os presentes cheguem de uma forma ou de outra, já que quem quer presentear de coração mesmo vai ligar e se informar.

grey Lista de presentes: praticidade x etiqueta

Foto: via Contortb

Agora, cá entre nós, isso dificulta um pouco mais as coisas, né?! Atire o primeiro convite quem nunca recebeu uma tag dessas e achou uma ótima ‘mão na roda’? Muitos acham até simpático esse gesto, que pode ser encarado como uma ajudinha. Os especialistas ressaltam que os convidados não são obrigados a dar o que está na lista. Ela serve apenas como sugestão!

grey Lista de presentes: praticidade x etiqueta

Foto: via Brides.com

Aí fica a pergunta: nesse corre-corre da vida moderna, é realmente feio priorizar a praticidade em detrimento das normas de etiqueta?

A resposta é muito subjetiva. Depende do quão confortável você vai se sentir ao fazer isso ou aquilo. A noiva também, mais do que ninguém, tem uma noção bem clara de como são seus convidados e a forma que vão encarar o recebimento de um cartãozinho de loja.

Outra dúvida comum é quanto a presentes em dinheiro. Pode ou não pedir? A etiqueta diz que não. É indelicado e as pessoas podem não ter aquela quantia disponível antes da data da festa de casamento. Já ouvi depoimentos de convidados que receberam cotas de presentes em dinheiro pré-determinadas no convite, que começavam em 300 reais. Nem precisa dizer que isso vai muito além da falta de bom senso, né?!

grey Lista de presentes: praticidade x etiqueta

Foto: Istock via Bridal Guide

De acordo com algumas assessorias de casamento, você pode até pedir informalmente o dinheiro para os parentes e amigos mais chegados. Só os mais chegados, hein!

Outra alternativa é fazer um site de casamento dos noivos, no qual os convidados podem comprar presentes virtuais. O valor de cada item comprado é depositado em uma conta bancária escolhida. Uma opção que não deixa ninguém constrangido e depois você pode usar o dinheiro como bem quiser!

Em meio a um tema tão delicado, tenha em mente que o ato de presentear deve ser livre e espontâneo. Não eleve as expectativas ou faça planos com itens que ainda não ganhou. Os amigos que se importam com você encontrarão uma maneira de te ajudar nesse início de vida a dois, seja com presente, dinheiro, ou simplesmente amor! Porque seu casamento deve ser all AboutLove.

Leia o post anterior:
casal de noivos comemora em casamento de dia ao ar livre
Como ter um casamento abençoado pelo sol

Muitos fotógrafos brasileiros, há algum tempo, aderiram a campanha de incentivo ao casamento de dia. A ideia caiu no gosto...

Fechar