casamento moderno Archives - Blog AboutLove

Como homenagear aqueles que já partiram

As homenagens às pessoas queridas fazem parte de qualquer celebração de casamento. Em alguns casos, as honras, públicas ou mais íntimas, também são dadas àqueles que não estão mais presentes fisicamente. Encontrar uma maneira singela de fazer uma homenagem para os que se foram pode ser um desafio, já que a relação de amor deve ser exaltada nesse momento de alegria e não a tristeza da perda. Criar um clima mórbido não é o objetivo em um momento tão festivo como esse, não é verdade?!

A gente separou algumas ideias para te ajudar nessa nobre missão:

  • Use um item especial

Usar um item especial que lembre a pessoa é uma maneira particular de prestar uma linda homenagem à quem nunca vai sair do seu coração e da sua memória. Pode ser uma joia que você ganhou, um adereço que ela/ele gostava de usar, etc.

  • Relicário

A palavra relicário remete a um lugar destinado a guardar ou proteger coisas preciosas e/ou relíquias. As medalhinhas, pingentes ou camaféus que trazem geralmente a imagem de alguém especial já falecido, são exemplos de relicários. Colocar essas peças junto ao bouquet, por exemplo, é uma das formas mais singelas de homenagear alguém durante o casamento.

grey Como homenagear aqueles que já partiram

Foto: via Indulgy

  • Mesa de fotos

Organize uma mesa com porta-retratos com a fotos daqueles que já partiram. Ao olhar as fotografias, os convidados também poderão conhecer um pouco mais do passado e da história dos noivos. Uma sugestão é posicioná-la perto da mesa de recados na festa de casamento.

  • Reserve um lugar

Deixe um lugar reservado com algum elemento especial, simbolizando aquela pessoa que você gostaria que estivesse presente ali, fisicamente, no momento da cerimônia.

  • Balão

Solte balões brancos no fim da cerimônia religiosa para cada pessoa amada que já faleceu.

  • Faça um brinde

Inclua no cerimonial um momento de brinde e faça um pequeno discurso em homenagem à memória do amigo ou parente especial.

Se a perda tiver sido muito recente, prepare-se para emoções ainda mais fortes. Ficar olhando, durante a cerimônia de casamento, para uma cadeira reservada, por exemplo, pode te deixar extremamente sensível. Analise seu estado emocional e converse com seus familiares para saber qual seria a melhor forma de homenagear esses entes queridos.

Uau! O efeito da iluminação no casamento

Mesmo a mais linda decoração pode ser arruinada por uma iluminação feita de forma errada. O contrário também é verdadeiro. Uma iluminação no casamento bem feita dá vida, exuberância e charme a qualquer local mais simples.

As luzes são responsáveis por criar o ambiente perfeito, atuando como uma espécie de ligação entre todos os elementos do evento.  Se seu casamento é à noite, no final da tarde ou durante uma manhã que poderá ficar nublada, a iluminação deve ser pensada com carinho.

grey Uau! O efeito da iluminação no casamento

Foto: via Pinterest

O local da recepção, geralmente, já oferece alguns itens de iluminação padrão, mas se você não está muito feliz com essas opções ou quer adicionar um efeito diferente ao seu casamento, lá vão algumas sugestões encantadoras:

  • Luzes modernas e coloridas

Uma proposta que está em evidência nos casamentos modernos é o uso de luzes coloridas, especialmente em espaços minimalistas ou decorados com cores mais neutras. O esquema de iluminação pode dar ênfase à cor predominante na sua paleta. Olha só como a luz azul esmeralda dá um efeito muito interessante e bonito nessa decoração predominante branca.

Se você gosta de apostar em ideias mais diferentes, colocar um ponto de iluminação em baixo das mesas (do jantar ou dos convidados) pode ser uma alternativa bacana.

grey Uau! O efeito da iluminação no casamento

Foto: via Pinterest

Além disso, dá pra investir nas luzes modernas e coloridas em estações específicas montadas na recepção. O local dos coquetéis e a pista de dança, por exemplo, podem ser iluminados com cores vibrantes e quentes, como laranja, vermelha e roxa

  • Clima vintage

Para ter um efeito vintage glamouroso, um lustre de vidro suspenso é imbatível. Apenas verifique se o local alugado para o vento permite a colocação temporária dessas luminárias. Se o lugar for muito grande, você pode optar por apenas um ambiente com essa iluminação elegante e retrô.

Cortina de luzes, luminárias feitas com recipientes rendados, cordão de bolinhas iluminadas, paineis, etc. são algumas ideias que podem ser feitas para acrescentar mais um toque de iluminação vintage à sua festa. E você mesmo pode fazer alguns elementos, no melhor estilo DIY!

  • Velas e romantismo

Nada é mais romântico que o brilho suave da chama de uma vela, não é?! Não é à toa que o jantar a luz de velas é o queridinho dos enamorados! Muitas noivas escolhem esse tipo de iluminação para o casamento. Além de romântico, é simples, barato e muito singelo.

As velas podem ser usadas como centros de mesa ou como pontinhos de luzes independentes. Também podem ser colocadas em arranjos florais ou em jarros com água para flutuar. Ao usar velas perfumadas, você ainda pode adicionar uma fragrância agradável ao seu local de recepção. Que tal?

  • Iluminação a céu aberto

A iluminação é essencial para um casamento ao ar livre que vai se estender até a noite. Luzes em um espaço aberto podem criar um ambiente encantador, além de delimitar o local, caso ele seja amplo demais. Veja como as “luzes de quermesse” deixam qualquer festa muito mais charmosa.

As luzes de fadas (aquelas pequenas luzes em cordão) podem ser usadas para destacar todas as características particulares do local. Com velas de citronela, você terá a vantagem de manter bem longe os indesejados insetos. Coloque-as em jarros para que o vento não apague as chamas.

Para criar um clima mais dramático, demarque o caminho de entrada da recepção com velas ou tochas.

Conhecendo um pouco mais as possibilidades, você pode compartilhar suas ideias com seu decorador ou sua decoradora e incrementar a iluminação do seu casamento de acordo com seu estilo.

A escolha das músicas ideais

Toda história de amor tem uma trilha sonora, não é verdade? É impressionante como as músicas trazem à tona sentimentos e lembranças.

Na cerimônia de casamento, não há espaço para sentimentos ruins e as canções devem dar o tom de emoção e alegria do momento. Os rituais, presentes mesmo nas cerimônias mais modernas, requerem músicas marcantes e especiais. Escolher a trilha do seu grande dia pode se tornar uma das tarefas mais prazerosas dos preparativos. E ah, o noivo também pode dar aquela ajudinha!

Para facilitar sua vida, verifique primeiro se a igreja tem restrições quanto a músicas seculares. Muitas paróquias só aceitam as sacras. Se for casar em um salão ou outro lugar fora da igreja, você terá mais liberdade e pode ousar um pouco mais no repertório e na escolha dos profissionais.

grey A escolha das músicas ideais

Foto: Gabe Aceves via Style me Pretty

Por falar nos músicos, já planejou se você quer uma composição mais clássica e tradicional, com coral e orquestra ou deseja algo mais simples e moderno, com um ou dois cantores e alguns instrumentos escolhidos a dedo? Já pensou que “voz e violão”, por exemplo, pode ser uma alternativa linda e mais econômica?

Com esses pontos mais ou menos definidos, siga para a pesquisa dos profissionais. Peça recomendações para seu cerimonialista, amigas e parentes que já casaram. Visite alguns fornecedores pessoalmente e entenda como cada um trabalha, quem são os músicos e como eles adaptam as formações para cada estilo de casamento. Arranjos e ritmos diferentes são sempre bem-vindos nos casamentos menos formais! Dá pra transformar uma música de balada ou mais “pop” em um som acústico super bacana. Já pensou nisso?

Algumas bandas podem fazer pacote tanto para cerimônia quanto para a festa. Será que o valor proposto vale a pena? Ou é melhor apenas contratar um DJ para a pista de dança? Negocie e coloque tudo na ponta do lápis.  Se possível, acompanhe uma cerimônia com os músicos que mais gostou para sentir a energia deles durante a celebração.

Como escolher as músicas de casamento

Com certeza, os profissionais do ramo vão ter playlists prontas que podem servir como base para você montar a sua. Nunca copie cegamente uma lista de outra noiva. As músicas do casamento precisam ter um significado especial para o casal.

  • Liste as canções que marcaram o relacionamento de vocês. Quais delas acha interessante para a cerimônia?
  • Sintonize coração e ouvidos na “onda” do casamento! Ouviu uma música em um filme, no rádio, na televisão ou na internet e gostou? Vá anotando e depois escute-a de novo e de novo. Imagine se ela pode se encaixar em algum momento da cerimônia.
  • Analise todos os versos da música, mesmo se ela for em outra língua. Muitas canções em inglês têm um ritmo ótimo para a entrada da noiva, por exemplo, mas a letra pode falar de algo totalmente desagradável.

Quantidade de canções

Tenha em mente que quanto maior seu repertório, mais tempo a cerimônia irá demorar. Pra você ter uma ideia, segundo os especialistas no assunto, um casamento com 8 músicas dura em média 1 hora. Já uma cerimônia com 12 músicas vai durar por volta de 1 hora e meia.

O certo é que, seguindo alguns ritos básicos, você irá precisar de pelo menos 5 canções para:

  • Entrada do noivo e padrinhos – deixe isso a cargo do noivo. A música precisa representar a personalidade dele.
  • Daminhas e pajens – músicas com um toque bem delicado (com solo de flauta e violino, por exemplo) são ótimas para esse momento. Uma dica: procure entre as trilhas dos filmes infantis.
  • Entrada da noiva – a canção deve ser a mais marcante e impactante de todo setlist. A marcha nupcial é sempre uma opção, mas músicas diferentes que expressem o sentimento e a alegria da noiva estão em alta
  • Benção das alianças – uma música mais religiosa, que retrate a fé do casal, é o ideal aqui.
  • Saída dos noivos: uma canção descontraída e animada para que todos celebrarem a nova união.

Tente entregar a lista com meses de antecedência para que os profissionais possam ensaiar e fazer os arranjos que você deseja. Também não tente mudar a ordem ou trocar alguma música de última hora. Isso pode dar uma super confusão!

Com essas dicas e cuidados, suas músicas de casamento servirão de inspiração para outros casais apaixonados.